NÃO QUERO IR AO EVENTO

Cupom de Desconto VTEX DAY 2019

Utilize o Cupom de 30% Desconto para o VTEX DAY 2019

Cupom de Desconto VTEX DAYCupom de Desconto VTEX DAY

USE O CUPOM: WEBPEAKVTEXDAY

COMPRE COM O CUPOM DE DESCONTO

Aprenda a fazer um mailing list para campanhas que Convertem!

18/2/2019

Aprenda a fazer um mailing list para campanhas que Convertem!

Neste artigo trataremos de um assunto delicado. Mas não precisa sair correndo da página, muito pelo contrário, essas informações serão de extrema importância para o seu negócio.

Já ouviu falar sobre e-mail marketing? Acreditamos que sim. Todo empreendedor seja micro, ou gigantesco, já ouviu falar desse termo. Infelizmente grande parte tem desacreditado dessa estratégia, o que na verdade é um grande erro, pois o e-mail marketing é a melhor forma de comunicação direta e pessoal que você pode ter com seu cliente.

Contudo, antes de sair por aí distribuindo todo tipo de e-mail por aí, é bom parar para fazer seu plano de ação, dessa forma você chegará ao mailing list.

Tantos termos podem deixar muita gente confusa, mas não se preocupe, estamos aqui para te ajudar a entender e fazer um mailing list digno de uma campanha de sucesso!

Quer saber mais? Então continue com com a gente. 😉

Mas o que é mailing list?

Para esclarecer nada mais justo do que começar na base. O mailing list é muito simples, basicamente é um banco de dados com todos os e-mail de leads e clientes que escolhem o seu site.

Como qualquer estratégia de negócio para criar um mailing list é um processo de contínuo de renovação, e exige certo esforço para se conquistar, mas garante o sucesso das campanhas do seu e-commerce.

Leia também: E-mail marketing: saiba a importância dele para seu negócio

Aqui vão algumas dicas para que você consiga fazer mailing list que Converte!

 fazer mailing list que Converte
Que tiro/email foi esse?!

1 - Não compre bases prontas

Infelizmente muitas empresas por querer facilitar o processo acabam “burlando as regras” e adquirem as bases prontas. Mas quem somos nós para julgar, não é mesmo? Estamos aqui apenas para abrir os olhos de quem quer realmente fazer bonito na hora de montar uma estratégia de e-mail marketing.

Para sermos sinceros a compra de uma base pronta pode ser um tiro no pé.

Essa prática pode prejudicar e penalizar sua empresa, então entenda que construir uma base limpa e qualificada leva tempo, mas é o caminho correto e eficaz.

Ninguém quer pessoas levando o nome da marca de forma negativa, recebendo reclamações, ou até mesmo ter um mailing list repleto de endereços inválidos que indicarão aos provedores que você está praticando spam.

Não caia nessa!

2 - Sempre peça autorização para o envio de e-mails

Outro erro muito comum é a empresa não sinalizar ao visitante, ou cliente da loja que ele poderá receber informações sobre a marca. Deixe claro para o cliente que o fornecimento de um e-mail será para notificá-lo sobre algo, seja a chegada de novos produtos, ofertas ou concursos culturais.

Existem alguns requisitos de boa prática para fazer um mailing list dentro do seu e-commerce, são eles:

  • Ser específico – todo consumidor gosta de saber no que está se envolvendo. Sempre informe sobre os benefícios do fornecimento do seu endereço de e-mail. Caso tenha escolhido um incentivo como um desconto, por exemplo, deixe bem claro essa vantagem. Se for oferecer um brinde na primeira compra, notifique o usuário.
  • Concentre-se em um incentivo por vez – não saia fazendo milhares de ações de uma só vez, seja estratégico e chame a atenção do cliente através dos CTA’s. Vale mais promover uma grande recompensa do que várias recompensas sem valor para o cliente, concorda? Mantenha o foco e fique atento ao comportamento do seu consumidor
  • Aumente a percepção de valor – uma grande sacada para fazer um mailing list é dar produtos ou recursos aumentando a percepção de valor desses itens, que naturalmente parecerão mais atraentes aos olhos do cliente. Uma maneira simples de agregar valor ao produto que irá oferecer é incluir o seu preço original na oferta ou adicionar valor emocional ao objeto. Também é válido incluir depoimentos de pessoas que já fazem parte do seu mailing list.
Não deixe de ler: Google Apps: por que utilizar e pagar para hospedar meus e-mails?

3 - Aposte na captação de novos visitantes

Para atrair cada vez mais pessoas para o seu e-commerce e consequentemente torná-los leads, você precisa ter ferramentas de atração para que ele tenha interesse em cadastrar um e-mail no seu site.

Você precisa investir em alguns materiais e ferramentas para que isso seja possível, alguns deles são:

Blog – Cada vez mais os blogs tem tomado espaço no mundo do e-commerce e são ótimos para conversão e atrair novos clientes pela busca orgânica e gerar tráfego para o site.

Temos duas dicas para conseguir mais leads, anote aí:

  • Crie páginas de cadastro mobile friendly
  • Inclua múltiplos calls to action

Mídias sociais – Uma das formas mais utilizadas para alcançar novas audiências são as mídias, elas são perfeitas para popularizar sua loja virtual entre os que ainda não a conhecem e informar os benefícios de fazer sign up na sua lista de e-mails. Afinal, o objetivo principal da criação do seu mailing list é incentivar os novos usuários a fornecerem seus endereços de e-mail.

Testes – Uma maneira bem interessante de captar e-mails para seu mailing list é por meio de pesquisas e testes focados no seu público-alvo. Quanto mais apropriado para o seu potencial cliente for o conteúdo do seu teste ou da pesquisa, maiores as chances deste usuário fornecer seu e-mail em troca para receber o resultado. No e-commerce, essa é uma estratégia que funciona muito bem quando combinada aos catálogos de produtos.

criar mailing list

4- Ofereça o opt-out

Quanto mais cedo você entender que ninguém é obrigado à nada, mais fácil será para aceitar esse tópico.

É preciso tem em mente que as pessoas uma hora mudam de opinião, ou talvez, seus produtos e serviços não serão mais úteis para ela naquele momento.

Caso perceba essa mudança de comportamento no consumidor não arrisque virar spam, deixe-o ir, pois se a experiência foi positiva ela irá retornar em outro momento.

Por isso, da mesma forma que deixou acesso fácil para o cliente fornecer seu e-mail, deve haver uma opção fácil para quando ele não quiser mais receber os informativos. Pode acreditar, o importante é manter sempre a sua mailing list atualizada, limpa e segmentada, dando mais chances de estreitar as estratégias de e-mail marketing.

Conclusão

Fazer um mailing lista te ajudará muito a criar campanhas de sucesso, por isso está na hora de sentar e pensar nas formas para atrair mais leads e tornar isso uma experiência positiva, e sem dores de cabeça.

Lembre-se que o e-mail é a forma mais pessoal de contato com o cliente depois do telefone, por isso esteja ciente de que o seu mailing list está com uma boa base para fazer campanhas assertivas.

Gostou? Esperamos ter ajudado. Caso queira saber mais sobre o assunto assine nossa newsletter e receba conteúdos exclusivos.

Até a próxima! 😃

Autor

Mariana Chaves

Produtora de Conteúdo especialista nas palavras que te elevam e levam ao foco do negócio.

Linkedinhttps://www.webpeak.com.brcontato@webpeak.com.br

Últimas Postagens WebPeak

Últimas Noticias WebPeak