E-Commerce

Como usar criptomoedas no e-commerce: guia rápido para vendedores e clientes

Camila Nogueira

Socióloga em formação, é apaixonada por entender o comportamento humano diante das novas tecnologias.

As criptomoedas estão rapidamente se tornando a próxima grande novidade do e-commerce. As empresas que pensam em adicioná-las como opções de pagamento devem ter em mente as oportunidades e desafios que isso traz.

Entenda o que é, por que e como aceitar criptomoedas no e-commerce!

Por que você deveria começar a aceitar criptomoedas?

como usar criptomoedas no ecommerce

A maioria das criptomoedas foram pensadas para pagamentos digitais. Então, por que não começar a aceitá-las? Conheça algumas vantagens de incluir essa forma de pagamento no seu e-commerce.

  • Redução de taxas

As taxas cobradas por processadores de pagamento são uma das partes mais caras de vender online. Dependendo do volume de mercadorias que você está vendendo, a soma dessas taxas pode estar fazendo você perder dinheiro. Ao aceitar criptomoedas no e-commerce, você pode reduzir drasticamente as taxas de processamento.

  • Pagamento mais rápido

A velocidade com a qual você recebe os pagamentos pode alavancar ou derrubar o seu negócio. Aceitar criptomoedas pode ajudá-lo a obter dinheiro mais rápido do que os meios de pagamento tradicionais, além de oferecer mais uma alternativa de pagamento para os clientes.

Algumas tecnologias permitem que as compras feitas com criptomoedas liberem o valor instantaneamente para o comerciante. Isso também ajuda a evitar que os fundos sejam bloqueados por uma semana ou mais, caso haja um estorno.

  • Menos chances de fraudes

Estornos são um problema sério para os comércios eletrônicos. Além de impor mais taxas e dores de cabeça administrativas, há problemas com bancos que usam essas taxas para avaliar a confiabilidade do comerciante.

Aqui está um dos maiores benefícios de aceitar criptomoedas: todas as transações são irreversíveis. Isso acontece por conta da infraestrutura de blockchain, que insere as verificações de segurança da transação no código, tornando os estornos impossíveis. 

Dessa forma, o poder do cliente é deslocado para o comerciante, eliminando um detalhe oneroso do e-commerce.

  • Expanda sua base de clientes

Os provedores de pagamento geralmente excluem determinados países dos seus processamentos. Ou fazem com que você tenha que converter entre diferentes moedas, aumentando absurdamente o preço final do seu produto. Ao aceitar criptomoedas, você não precisa mais ficar preso a essa dinâmica, o que lhe permite expandir a base de clientes e fazer negócios transnacionais.

Leia: SEO para E-Commerce - Otimização de Lojas Virtuais

Desvantagens de aceitar criptomoedas no e-commerce

Como qualquer tecnologia emergente, as criptomoedas não estão livres de pontos negativos. A natureza volátil dessas moedas pode prejudicar a estabilidade financeira dos comércios eletrônicos, por exemplo. Conheça a seguir outros entraves que podem fazê-lo reconsiderar.

  • Volatilidade dos preços

A volatilidade nos preços das criptomoedas é um de seus maiores pontos negativos, já que pode prejudicar os comerciantes e compradores. Para os comerciantes, isso se torna um problema ao transferir criptomoedas de volta para formas tradicionais, como Reais (R$) ou Dólares (USD).

Digamos que alguém gastou o equivalente a R$ 50 de bitcoins em sua loja e o valor caiu pela metade antes de você fosse capaz de converter para Reais. Isso significa que você receberia apenas R$ 25 no momento da conversão. Bem arriscado, né?

Além disso, essa volatilidade das criptomoedas pode ter um efeito adverso nos gastos do consumidor. Quando as pessoas não sabem se sua moeda vai inflacionar ou deflacionar, elas podem gastar menos ou simplesmente deixar de comprar.

  • Esforço extra para configurar
como usar criptomoedas no e-commerce

Dependendo da opção escolhida, configurar-se para aceitar criptomoedas pode ser trabalhoso. Você pode:

- Criar sua própria carteira manual e receber pagamentos diretamente. Esta é a opção mais difícil, mas oferece as melhores margens de lucro. Uma vez que não é preciso integrar-se com fornecedor de terceiros, essa é a escolha ideal para as lojas independentes construídas em seu próprio código.

- Adotar provedores terceirizados, que facilitam o processo mas serão um pouco mais caros.

- Usar uma plataforma de e-commerce com um gateway de pagamento para criptomoedas pré-configurado, ou que só exija um plugin adicional para ser instalado.

  • Muitas opções, poucas decisões

Você já foi naquelas sorveterias com dezenas de sabores? Parece que quanto mais opção nós temos, mais difícil fica de escolher, não é mesmo? Com os métodos de pagamento não é diferente.

Com a grande quantidade de escolhas que os consumidores já enfrentam, a fadiga de decisão pode surgir quando os usuários estão prontos para pagar. É importante considerar que adicionar criptomoedas como mais uma opção pode aumentar as taxas de abandono ou causar confusão no processo de check-out.

  • Uso inexpressivo no Brasil

Embora seja um mercado em expansão, as criptomoedas ainda apresentam um uso bastante inexpressivo no mercado brasileiro. Antes de adotá-las como forma de pagamento, análise o impacto que a presença ou ausência desse método teria na sua loja virtual.

Como usar criptomoedas no e-commerce

Quando o assunto é aceitar criptomoedas na sua plataforma de e-commerce, não há caminho simples. Alguns métodos são mais fáceis do que outros, mas não oferecem muita flexibilidade ao personalizar a solução.

O jeito difícil

Se você quiser evitar o uso de processadores de terceiros, você pode configurar manualmente as carteiras de criptomoedas.

Primeiro, você precisa escolher uma carteira para receber pagamentos. Esteja ciente de que diferentes carteiras suportam moedas diferentes, de modo que o que você escolher determinará quais moedas você aceita em sua loja.

Embora as opções disponíveis no mercado custem mais ou menos o mesmo preço, há carteiras que são mais seguras do que outras.

Se você estiver interessado em converter as criptomoedas em dinheiro real, você também deve criar uma conta para fazer o câmbio. Mais uma vez, diferentes operadoras suportam moedas diferentes. Então reserve um tempo para pesquisar qual é a melhor opção para suas necessidades.

Depois de criar sua carteira e suas contas, você precisará conhecer um pouco do desenvolvimento da Web para implementar os pagamentos em seu site de maneira segura. A lista de tarefas inclui:

  • Criar uma interface para o usuário fazer o pagamento em criptomoedas
  • Gerar novos endereços para receber criptomoedas
  • Definir medidas para garantir a segurança e a privacidade da informação do cliente
  • Transferir fundos da sua carteira para a conta
  • Trocar suas criptomoedas por dinheiro real

Se você não estiver confortável em executar essas tarefas sozinho, recomenda-se contratar um desenvolvedor freelancer para fazer o trabalho para você.

Não deixe de ler: Gateway de Pagamentos - O que é e como funciona

O jeito fácil

como usar criptomoeda no ecommerce

Uma opção um pouco mais cara, mas bem mais simples, é a integração de múltiplos provedores de pagamento de criptomoedas à sua loja virtual.

Geralmente, esses provedores fazem a maior parte do trabalho pesado. Eles configuram, processam pagamentos com criptomoedas e convertem em moeda real.

Essa é uma ótima opção para todos os níveis de habilidade. Também é possível começar com a solução padrão e depois trabalhar para personalizá-la, deixando-a com a sua cara ao longo do tempo.

O jeito super fácil

Se a sua loja de comércio eletrônico estiver no WordPress, no Shopify ou em plataforma de e-commerce mais moderna, você pode usar um plug-in para aceitar criptomoedas.

Nem todos os plug-ins são criados iguais, no entanto. Ao escolher o plug-in, verifique se ele está atualizado, receba boas avaliações e tenha uma base de usuários significativa.

Do lado do comerciante, as criptomoedas podem ajudá-lo a economizar dinheiro, reduzir a fraude, receber o pagamento mais rápido e expandir sua base de clientes. 

Tudo isso enquanto o ajuda a diversificar sua receita. Já do ponto de vista do cliente, elas aumentam a privacidade e segurança das transações.

Seja qual for a sua inclinação, vale a pena ponderar os prós e contras das criptomoedas.

Assine nossa newsletter e não perca nenhuma novidade. 

Até mais!

Últimas Postagens WebPeak

Google

Guia SEO: aprenda a encontrar todas as páginas de um site

Google

Como desenvolver uma campanha com resultados no Google Ads

Tutoriais

Tutorial SEO para fazer pesquisa de palavras-chave para o seu site!

E-Commerce

Brasil registra mais de 150 mil lojas online abertas em 2020