Marketing

Como usar Domínio, Subdomínio e Subdiretório

16
Apr
2021

Victoria Ribeiro

Sou uma redatora cabulosa, estou aqui para sabotar seu raciocínio.

Se tratando de marketing de conteúdo, na hora de criar um blog, pode surgir um pensamento: usar um subdomínio ou um subdiretório?

Mas sabemos que as dúvidas não param por aí, podem surgir também, como de fato o que é um subdomínio ou um subdiretório, além de questionamentos sobre outros conceitos que aparecem na hora de criar um site. 

O conhecimento é muito importante nessa etapa, tenho certeza que esse conteúdo vai te auxiliar, boa parte de suas dúvidas são respondidas aqui! 

Como usar Domínio, Subdomínio e Subdiretório 

Domínio

Domínio é o nome de identificação de um site na internet, ele é formado pelo nome e pela extensão por exemplo: webpeak.com.br. Nesse caso, webpeak é o nome do domínio e o .com.br é a extensão.

Cada domínio tem sua particularidade, para usá-lo é necessário registrá-lo. Uma opção é registrar um domínio em algum site conveniado aos órgãos responsáveis pelas extensões que se pretende registrar, na maioria das vezes, esse é um serviço pago. Mas não se esqueça, investir é importante para desenvolver seu negócio na internet. 

Para registro de domínio, um dos mais comuns é o registro.br, responsável pela extensão .com.br. Há também extensões que podem ter o registro privado, como organizações não governamentais que usam o org.br , por exemplo.

Subdomínio

Como o próprio nome já sugere, o subdomínio ainda faz parte do domínio criado para uma determinada página, em outras palavras, trata-se da ramificação do domínio já existente. Um dos pontos importantes é a possibilidade de criar quantos subdomínios quiser a partir de um domínio.

Ao criarmos um subdomínio é necessário acrescentar um segundo nome ao domínio principal, sem se esquecer de incluir o nome do domínio. Por exemplo: forum.webpeak.com.br.

Um dos maiores benefícios dos subdomínios é conseguir ter sites relacionados, que possam auxiliar no corte de custos e a indexação diferente do domínio principal.

Subdiretório

O Subdiretório é o complemento do domínio que direciona o usuário a uma determinada página. Por exemplo: webpeak.com.br/blog.

Você pode agrupar vários subdiretórios, assim como fazemos com as pastas de arquivos do nosso computador. Também é possível encontrarmos subdiretórios de vários níveis como webpeak.com.br/analises/pet-shop.

Domínio Estacionado

O domínio estacionado é um domínio direcionado para seu site, sua função é servir como um reflexo do domínio principal.

Na prática, é possível ter dois domínios: webpeak.com.br e webpeak.com. No momento que alguém acessar webpeak.com, que é o domínio estacionado, esta mesma pessoa será direcionada para o webpeak.com.br que é o domínio principal.

Surge a questão, o que é melhor usar subdomínio ou subdiretório?

A melhor resposta para tal questão é: tudo irá depender do seu objetivo, onde você quer chegar com as estratégias que estão sendo aplicadas. 

como-usar-dominio-subdominio-e-subdiretorio

Como melhorar o posicionamento nos resultados de pesquisa

Quando o assunto é tráfego orgânico, certamente o foco é melhorar os resultados com busca orgânica. Contudo, nesse caso um subdomínio pode não ser a melhor opção, afinal, o Google considera o subdomínio como um domínio diferente e não como parte do mesmo site. Com isso, será essencial construir a autoridade do seu subdomínio, essa ação não irá gerar resultados para seu domínio principal.

A dica aqui é usar um subdiretório, pois ele será beneficiado pela autoridade que seu domínio já possui, será um grande facilitar para ter um bom posicionamento nas páginas de busca.

SERP Domination

Se o seu caso é diferente do exemplo acima, pois você já tem a posição na primeira página, seu objetivo certamente é popularizar seu negócio e aumentar o tráfego para seu site, você deve criar um subdomínio. Basicamente, funciona como uma porta de entrada de visitantes para o conteúdo do seu site. Aumentando assim as chances de atingir todo o domínio, literalmente, da SERP.

Ou seja, isso significa conquistar vários links na primeira página dos mecanismos de busca e não ter apenas um link bem posicionado. A partir de um trabalho de SEO diferenciado para seu domínio e subdomínio, é possível ter mais links apontando para seu site nas primeiras páginas, mesmo se tratando de termos mais específicos.

Sites em outras línguas

O subdiretório também é a melhor opção neste caso! Afinal, mesmo que em rankings de diferentes países, seu domínio será beneficiado pelos links das páginas em outros idiomas. Como consequência, seu site pode ter resultados positivos em torno do ranqueamento de conteúdos, por exemplo: seusite.com/pt e seusite.com/es.

Diferentes segmentos

Tudo vai depender dos seus objetivos, como dissemos acima. Se o seu negócio atua em diferentes segmentos e seu objetivo for criar conteúdo direcionado a cada público-alvo, você pode optar por usar um subdomínio ou não. 

No caso de palavras-chave para determinado segmento muito concorridas, você quer garantir a autoridade do seu domínio, sem dúvida o mais indicado é utilizar subdiretórios.

Por outro lado, se seu objetivo é competir por palavras-chave de cauda longa (ou seja, baixa concorrência) e aumentar o tráfego, é fundamental ter um bom trabalho de SEO, além de um subdomínio competitivo.

Dicas para quem está criando um site ou blog

Queremos te ajudar nessa etapa! Há opção de criar um site ou blog e utilizar um endereço (RL) gratuito. Contudo, nossa primeira sugestão é que você repense essa gratuidade. Sites como o UOL, WordPress, Blogger, e outros, oferecem serviços gratuitos bastante atrativos, que são simples de configurar e começar a usar.

Porém, nem tudo são flores, vamos te mostrar porquê:

1 – Domínios gratuitos não te dão plena autonomia

A primeira questão aqui é que, certamente, você irá querer ter total controle sobre o que está acontecendo no seu negócio, certo? 

Isso envolve ter controle do seu site. Se você usa um domínio gratuito, fica limitado a utilizar sempre aquela mesma plataforma, infelizmente, você poderá utilizar apenas o que ela disponibiliza. No caso, se você precisar modificar algo com uma nova tecnologia, a ação pode ficar inviável.

2 – Seu domínio é sua marca!

O domínio próprio proporciona a imposição da marca. 

Além disso, quando você tem um endereço gratuito (URL) tende a transmitir uma imagem amadora, que pode prejudicar muito a credibilidade do blog. Logo, o alcance desejado de seu negócio.

Como um exemplo vale mais que mil palavras, em qual endereço você clicaria?

  • webpeak.com.br/blog
  • webpeak.blogspot.com.br

Acima, você pôde perceber que o primeiro exemplo garante mais firmeza, afinal, transmite uma ideia mais autêntica e profissional.

3 – Blogs com domínios próprios têm vantagem em SEO

Quando você escolhe um endereço gratuito, o site de seu negócio não recebe um dos principais benefícios oferecidos por um blog: se posicionar melhor no Google para as palavras-chave do seu negócio.

No caso, ao procurarem pelos termos relacionados ao seu blog, o domínio da sua empresa não vai aparecer, pois seu blog será somente um subdomínio dentro do serviço gratuito que você estará utilizando (ex: http://suaempresa.blogpost.com.br).

Com isso, todos os links externos que seu blog receber darão autoridade para o esse outro serviço, e não para o site da sua própria empresa. Esse item se relaciona com a imposição de sua marca.  Ou seja, se seu negócio já tem um site, é importante que o seu blog tenha o mesmo domínio deste site, pois só assim será possível trabalhar com a otimização de conteúdo para os mecanismos de busca.

Por fim, para resumir esse conteúdo todo, determinar a melhor estratégia, subdomínio ou subdiretório, está diretamente ligada ao seu objetivo. É essencial que você tenha um bom planejamento em mãos, e possa usar as duas estratégias para objetivos diferentes. 

O mais recomendado é que você não deixe de produzir conteúdos

Se você está criando um site ou blog, o uso de endereços gratuitos não é uma prática de negócios escalável, o resultado é que a qualquer momento você estará com a opção de migrar. Infelizmente, a migração de site não é tão simples, é um retrabalho muito grande.

Contudo, o endereço ideal é um subdomínio ou subpasta do domínio da sua marca, como: ‘’blog.suaempresa.com.br’’ ou “www.suaempresa.com.br/blog”, nesse formato, você poderá ter ganhos em SEO e credibilidade entre os usuários. 

A WebPeak tem soluções em SEO para seu negócio! Reunimos todas as ferramentas de SEO em um único lugar! Entre em contato


Últimas Postagens WebPeak

Marketing

10 vantagens do marketing digital

SEO

Ter um bom ROI Significa que o trabalho deu certo

SEO

Entenda o papel do SEO na transformação digital

SEO

Auditoria Core Web Vitals: Lista De Verificação De 35 Etapas Com Correções, Exemplos E Muito Mais