Conteúdos fundamentais que seu negócio deve produzir para ser notado

19/1/2018

Conteúdos fundamentais que seu negócio deve produzir para ser notado

Se você possui um negócio online com certeza já ouviu falar sobre o funil de vendas. Mas se ainda não conseguiu analisar este processo, ou não teve a oportunidade de se aprofundar no assunto, daremos uma explicação sobre o conceito.

O funil de vendas é uma estratégia de Inbound Marketing, ela é composta por quatro etapas essenciais para fechamento de vendas. Obviamente que essa estratégia não se dá por obra do acaso, e é aí que entra o Marketing de Conteúdo, sim, são definições diferentes que casam perfeitamente.

O Inbound Marketing tem como missão atrair o cliente, ou seja, o cliente chega até à marca sem intenção de compra, buscando as respostas que ele precisa. Ou, como acontece muitas vezes, para matar uma curiosidade e, sem querer, descobrir que precisa daquela solução.

Já no Marketing de Conteúdo é um conceito criado para educar, informar e entreter o potencial cliente. Se tornando a peça chave para o Inbound. Aqui a ideia é muito simples, informar as pessoas para que em um futuro muito próximo elas não só respeitem a marca, como também torna sua marca uma referência.

Pois bem, depois de identificar as diferenças entre marketing de conteúdo e inbound marketing, podemos voltar ao funil de vendas e mostrar a importância dele para elaborar conteúdos fundamentais para o seu negócio.

Leia também: Principais dúvidas de quem quer investir em Marketing Digital

4 Etapas do Funil de Vendas

Utilizando a estratégia do funil de vendas você conseguirá através do marketing de conteúdo envolver o seu cliente, chegando ao resultado final do Inbound Marketing que é vender seu produto ou serviço. Estas etapas farão com que elabore conteúdos fundamentais para cada sessão, e assim alcançar sua meta.

  • Etapa 1 – Aprendizado e descoberta: Nesta primeira etapa, o visitante muitas vezes não sabe que tem um problema, ou oportunidade de negócio. O objetivo aqui é despertar o interesse dele por algum assunto, e fazer com que identifique esse problema, ou uma boa oportunidade de negócio;
  • Etapa 2 – Reconhecimento do problema: Na segunda etapa você deve conseguir mostrar ao futuro cliente que ele tem um problema e começa a informá-lo mais sobre esse problema e sobre as possíveis soluções;
  • Etapa 3 – Consideração da solução: A terceira etapa já é quase decisiva. A pessoa já diagnosticou um problema, entendeu sobre ele, e agora vai considerar a solução que você tem para oferecer. Nesta etapa, é muito importante conseguir criar um senso de urgência, senão o que estava quase chegando ao sucesso do fechamento, pode se tornar uma desistência e o foco ir para outro lugar.
  • Etapa 4 – Decisão de compra: A etapa final pode ser a mais desafiadora, é quando o comprador resolve adquirir a solução, e passa a procurar opções. Não deixe nada vago, se imponha como a melhor solução, ressalte seus diferenciais para conseguir concluir a venda.

5 conteúdos fundamentais que você deve elaborar

Ok! Agora que já conhece as diferenças entre marketing de conteúdo e inbound marketing, e entendeu a importância do funil de vendas para organizar a produção de conteúdo, é hora de colocar a mão na massa.

Para isso, levantamos 5 conteúdos fundamentais que você deve elaborar para cativar, envolver e conquistar o seu público.

Você também pode se interessar: Os 10 mandamentos do marketing de conteúdo

1 - Templates

O visual encanta praticamente todas as pessoas do universo, tudo que é agradável aos olhos tende a chamar nossa atenção. Pensando nesta questão os tampletes podem ser uma ótima opção, além de serem usados como materiais práticos do cotidiano.

Sejam cheklists, calendários ou apresentação de slides, esse tipo de conteúdo tende a agradar aos usuários. Mas antes de elaborar este tipo de proposta, analise sua persona e imagine onde esse conteúdo vai se encaixar na vida dela.  

2 - eBooks

Um eBook bem elaborado pode ser um conteúdo extremamente rico em informações. Muito utilizado para gerar leads, o eBook permite que você ofereça um material mais aprofundado em determinado assunto.

Outro fator interessante na produção deste tipo de conteúdo, é a questão do usuário não se importar de oferecer alguns dados pessoais em troca do arquivo, se for gratuito então é sucesso na certa, conseguirá nomes e emails para sua lista E sua empresa já terá as informações suficientes para trabalhar com esse lead, tanto com estratégias de marketing, quanto de vendas.

3 - Planilhas

Quem nunca usou uma planilha na vida que atire a primeira pedra. Elas estão presentes no nosso dia a dia, o que as tornam um conteúdo fundamental para ser oferecido. Na área profissional as pessoas tendem a utilizá-las para acompanhar resultados, fazer cálculos, gerenciar projetos, criar calendários, criar lista de afazeres e etc.

Analisando este ponto, é quase impossível você não conseguir elaborar uma planilha que vá de encontro com a sua persona. Além de ser um material muito útil, as planilhas também possuem um custo baixo para ser produzido, e caso você mesmo entenda do processo, não precisará desembolsar nada para ter um material de qualidade. 

4 - Webinars

Cada vez mais as pessoas vem consumido conteúdos em vídeos, por isso webinars é uma das melhores ferramentas para gerar oportunidades de negócio para sua marca. Vídeo é um tipo de conteúdo que pode ser transmitido ao vivo ou gravado antecipadamente. De qualquer forma, os webinars conseguem envolver seu público alvo, aproximando mais seus potenciais clientes.

O investimento depende do seu foco, na maioria dos casos a pessoa precisa apenas de uma câmera com boa qualidade de imagem, microfone, sinal de internet e um computador. Existem casos que praticamente a maioria do tráfego para o site vem dos vídeos, nessas situações vale investir em edição de vídeo, iluminação e afins.

5 - Infográficos

Sempre tem aquele tipo de conteúdo difícil de explicar apenas em palavras, são necessários elementos visuais que podem ser importantíssimos para seu conteúdo. Neste caso, o conteúdo fundamental que vai se adequar a sua proposta são os infográficos, é um material que apresenta da melhor maneira suas ideias de forma visualmente atrativa e dinâmica.

Geralmente este tipo de conteúdo é muito utilizado para enriquecer um blog post, e gerar mais engajamento nas redes sociais, mas de forma mais abrangente, os infográficos são uma ótima opção para gerar leads.

Caso tenha interesse em saber mais sobre leads basta acessar o link para o post: O que são Leads e por que sua empresa precisa tanto deles

Essas são as nossas dicas para que você possa elaborar conteúdos que irão agregar um grande valor para seus leads e futuros clientes. Para mais conteúdos como este basta continuar nos seguindo para receber as melhores dicas em primeira mão.

Continue nos acompanhando, e até a próxima!

Autor

Mariana Chaves

Produtora de Conteúdo especialista nas palavras que te elevam e levam ao foco do negócio.

Linkedinhttps://www.webpeak.com.brcontato@webpeak.com.br

Últimas Postagens WebPeak

Últimas Noticias WebPeak