NÃO QUERO IR AO EVENTO

Cupom de Desconto VTEX DAY 2019

Utilize o Cupom de 30% Desconto para o VTEX DAY 2019

Cupom de Desconto VTEX DAYCupom de Desconto VTEX DAY

USE O CUPOM: WEBPEAKVTEXDAY

COMPRE COM O CUPOM DE DESCONTO

Google Cache: tudo o que você precisa saber

4/6/2018

Google Cache: tudo o que você precisa saber

Que o Google consegue responder a qualquer pergunta eu sei que você já sabe. Agora, será que você sabe de onde o Google tira tanta informação? Como é possível dentre um universo tão grande websites, tanta precisão? É o que vamos de mostrar a seguir analisando o funcionamento do Google Cache e te dizendo tudo que você precisa saber para usar mais uma ferramenta Google em benefício seu e do seu negócio.

Vamos lá!

O que é Google Cache?

Para que exibir os resultados de suas pesquisas com rapidez e precisão, o Google salva uma cópia de sua página a cada visita do GoogleBot a ela. Já sabe como funciona o GoogleBot? Ainda não? Não perca tempo e aprenda tudo sobre o robô da Google aqui.

Suas buscas no Google só têm tantos retornos positivos pois são frutos de uma análise de links já indexados pelo robô que vasculha a internet a procura de informação. Uma cópia do conteúdo desses links são salvas em “cache”, uma maneira simplificada de guardar o conteúdo que ficará armazenada nos diretórios da ferramenta de pesquisa.

Não deixe de ler: 18 Motivos para usar o Google Analytics em seu dia a dia

Como funciona esse serviço?

Assim, cada vez que o Googlebot passa pela sua página da web, grava uma cópia simples do que encontrou, o que significa que o resultado da sua busca depende do quão recente foi o acesso à página em questão, ou seja, o quão recente é a cópia daquele conteúdo. Então já sabe, se o redirecionamento do Google te mandou para uma página que não continha o conteúdo esperado, o cache da gigante da internet referente àquela página estava desatualizado. Mas fique calmo... mostraremos como contornar essa situação.

Como consultar uma página do Google Cache?

Como dissemos anteriormente, um redirecionamento insatisfatório vindo da pesquisa do Google pode estar relacionado à atualização do cache. Ainda assim, é possível consultar uma página em cache de algumas maneiras. Vamos listar aqui as duas maneiras mais fáceis para realizar essa consulta e tirar proveito para da ferramenta para analisar os resultados do seu negócio.

Exibir a página salva em cache que vai ser analisada pela Google para ser exibida como resultado de pesquisa é muito fácil quando se utiliza o comando “cache:”. Além disso, no topo da página exibida, você terá como resultado a data e horário exatos de quando a cópia foi feita. A única coisa que você precisa saber é a URL do site em questão. Simples, não é? Vamos então analisar como exemplo a página salva em cache da WebPeak. Acompanhe o passo-a-passo.

1 – Pesquise a página desejada no Google:

Google Cache

2 – Clique na seta que aparecerá ao lado da URL da página e ela te trará a opção de acessar a versão “Em cache”:

Google Cache webpepak

3 – Clique em “Em cache” e feito! Você é redirecionado à página salva e pode revirar a cópia feita pela Google e tem acesso às mesmas informações descritas no passo-a-passo anterior.

Google Cache webpeak

E para que serve a versão somente texto?

A versão somente texto é uma das opções de exibição da página em cache. É autoexplicativo, somente os textos contidos ali serão exibidos na sua tela. E a relevância dessa opção? Isso vai depender do site que você está consultando. Quando o conteúdo que importa para você e seu negócio é somente o escrito, essa opção te impede de perder o foco com imagens e vídeos.

Além disso, muitas páginas da web possuem um layout distrativo ou não convidativo para aqueles que precisam focar apenas na leitura de seus conteúdos. Ou naquelas leituras via celular, tablet e outros dispositivos de tela menor, com menor capacidade de exibição de conteúdos dinâmicos que os computadores convencionais, se o que te importa é o texto, use essa dica ao seu favor. É sempre bom conhecer suas opções de exibição e dinamizar suas atividades.

Leia também: As melhores técnicas de SEO para você subir de posições no Google

Como usar o Google Cache em favor do meu negócio?

Sabe aquela página que você acessou ontem e no dia de hoje já não está conseguindo acessar? O Google Cache pode ser a sua salvação! As possibilidades são muitas. O site pode ser sido excluído, estar em manutenção, ter sofrido um ataque virtual em massa para seu servidor ser derrubado... não importa qual foi o problema, se você precisa de alguma informação contida naquela página da web, acessá-la via Google Cache é uma solução possível para não parar suas atividades à toa.

Um alívio, não é!? Você pode fazer o mesmo para sites com um funcionamento lento ou que não estejam respondendo! Abra a página em cache e pare de perder tempo! =)

Como impedir que a Google salve uma cópia de minha página?

Já você que não quer que a Google salve cópias de sua página da web em cache, fique tranquilo! É possível bloquear que seja salva cópia do conteúdo. Neste caso, será necessário inserir uma Meta Tag no código do seu site. A Meta Tag é a seguinte:

<meta name=”robots” content=”noarchive”>

Basta acrescentá-la na área Head do código-fonte e ficar tranquilo, que o robô da Google vai entender a orientação e não salvará uma cópia da sua página.

Isso pode ser bastante útil para empresas cujos sites estão em fase de testes e não querem que uma cópia com erros seja salva pela Google e acessada por seus usuários.

E aí, gostou das dicas? Aproveite e use-as! Capriche nas suas buscas e não perca mais tempo com a lentidão e indisponibilidade de alguns sites navegando via Google Cache.  Espalhe essas dicas, acompanhe nossas novidades e não deixe de comentar sobre o que achou desse conteúdo.

Até mais!

Autor

Gabriel Heitzmann

Viciado em tecnologia e em café. Falo pelos cotovelos.

Linkedinhttps://www.webpeak.com.br/contato@webpeak.com.br

Últimas Postagens WebPeak

Últimas Noticias WebPeak