NÃO QUERO IR AO EVENTO

Cupom de Desconto VTEX DAY 2019

Utilize o Cupom de 30% Desconto para o VTEX DAY 2019

Cupom de Desconto VTEX DAYCupom de Desconto VTEX DAY

USE O CUPOM: WEBPEAKVTEXDAY

COMPRE COM O CUPOM DE DESCONTO

Guia Definitivo - Desvendamos Todas as Ferramentas do Google Search Console

15/3/2018

Guia Definitivo - Desvendamos Todas as Ferramentas do Google Search Console

Olá pessoal, tudo bem?

No conteúdo de hoje nós desvendamos a vocês Todas as Ferramentas do Google Search Console.

O Google Search Console é uma ferramenta gratuita utilizada pelos experts em SEO, que verifica e fornece informações relevantes para você otimizar melhor seu website e oferecer bons resultados. A ferramenta funciona através de relatórios que analisam e exibem erros que o Google encontra em seu site ou em seu aplicativo. Ou seja, é uma ferramenta em que auxiliará você a entender como o Google interpreta o conteúdo de seu website.

Vamos lá!

Para começar, acesse o site do Google Search Console (https://www.google.com/webmasters/tools/home). Por ser uma ferramenta própria do Google, você só conseguirá criar uma conta se possuir uma conta G-mail.

Ao acessar o link acima, você será direcionado para a página inicial da ferramenta.

De início, você deverá especificar ao Google Search Console se você deseja acompanhar um Website ou Aplicativo para Android. Em seguida, insira a url completa de seu website, com www ou sem, com https ou http, etc…

Ferramentas do Google Search Console

Em seguida, clique em VERIFICAR PROPRIEDADE.

A verificação é um passo super importante, pois é o processo de comprovação da propriedade de um site. O Google confirma a propriedade porque quando você tiver aquele website confirmado, você terá acesso a dados particulares da Pesquisa Google relativos a ele e influenciará como é rastreado pela Pesquisa Google.

Você poderá verificar sua propriedade através do Modo Recomendado, ou então optar pelos Métodos Alternativos. Nem todos os métodos de verificação estão disponíveis para todas as propriedades, a página de verificação trará uma lista dos métodos disponíveis e recomendados para seu site.

Ferramentas do Google Search Console
Ferramentas do Google Search Console

Ao clicar em um dos métodos de verificação, o Google Search Console apresentará a você como configurá-lo. Escolha o método em que você tiver maior familiaridade e em seguida clique em VERIFICAR.

Se você obtiver sucesso durante a verificação, a seguinte mensagem aparecerá em sua tela:

Ferramentas do Google Search Console

Clique em ‘CONTINUAR’.

Você será direcionado ao painel principal do Google Search Console. Quando você adicionar seu site ao Search Console, pode levar um tempo até que o diagnóstico e outros dados se tornem disponíveis. Isso é normal, pois pode levar algum tempo até que o Search Console reúna e processe os dados para seu site.

Envio do Sitemap: Configuração manual no Google Search Console

O Sitemap.xml é um arquivo de extrema importância para que os robôs entendam a estrutura do site. Quanto mais organizado for este arquivo, melhor será a navegação desses robôs para encontrar todas as páginas e categorias do site.

No menu lateral do Google Search Console, vá em Rastreamento > Sitemaps.

Você será direcionado para a área de Sitemap, onde terá acesso a informações relacionadas a indexação, problemas e processamento do mapa de seu website.

No canto direito, clique em Adicionar/Testar Sitemap.

Ferramentas do Google Search Console

A URL do Sitemap.xml de um website pode variar dos demais. Sendo assim, verifique o caminho correto de seu sitemap antes de realizar o envio.

Após realizar o envio definitivo de seu sitemap, será apresentado a você um gráfico com a quantidade de páginas em que foram enviadas aos buscadores.

Ferramentas do Google Search Console

Dentro de alguns dias será apresentado um novo gráfico, mostrando a quantidade de páginas que foram indexadas.

Não deixe de ler: Etapas para gerenciar tarefas e alcançar resultados digitais

Ferramentas do Google Search Console 

As ferramentas estão dispersas em módulos, sendo eles: Aspecto de Pesquisa; Tráfego de Pesquisa; Índice do Google; Rastreamento; Problemas de Segurança; Web Tools.

Aspecto de Pesquisa

Neste módulo você conseguirá verificar quais são as alterações em que você pode fazer para melhorar a aparência de suas páginas nos resultados de pesquisa. Veja as ferramentas disponíveis neste bloco:

Dados estruturados: O Google usa dados estruturados que encontra na web para entender o conteúdo da página, bem como para coletar informações sobre a web e o mundo em geral. Esses dados estruturados consistem em apresentar informações adicionais nos resultados de pesquisa com base em marcações. O relatório de Dados Estruturados apresenta quantos itens há dentro do site e quantos desses itens estão com erros. Uma única página pode conter vários itens.

Rich Cards: Um novo formato do resultado de uma busca, tendo como base os Dados Estruturados. Os Rich Cards são capazes de exibir o conteúdo de um website em formato ainda mais envolvente e visual.  

Marcador de Dados: Com a Marcação de Dados, você fará com que o Google apresente seus dados de modo mais atrativo (e de novas formas) nos resultados de pesquisa e em outros produtos.

Melhorias de HTML: O Google Search Console apresenta a você alguns pontos nos quais você precisa corrigir para ajudar no desempenho e na experiência de usuário de seu site.

Páginas Aceleradas para Dispositivos Móveis: As Accelerated Mobile Pages (AMP) são uma iniciativa de código aberto para proporcionar páginas da Web que carregam rapidamente e têm um visual atrativo em dispositivos móveis, mesmo em redes lentas.

Tráfego de Pesquisa

Útil para mostrar o que as pessoas estão procurando no campo de busca. O relatório consegue apresentar o tráfego orgânico para a sua página, e tirar insights de possíveis otimizações.

Search Analytics: Com essa ferramenta você conseguirá analisar seu desempenho na Pesquisa Google, utilizando filtros e realizando comparações de seus resultados para entender melhor os padrões das pesquisas dos seus usuários. As informações apresentadas neste relatório são Cliques; Impressões; CTR; Posição.

Links para o Seu Site: Este relatório faz uma relação dos links encontrados pelo Googlebot durante o processo de rastreamento e indexação, assim como as origens de links, as páginas no seu site com mais links e qual o texto âncora mais comum encontrado pelo Google. Nem todos os links para seu site podem ser listados.

Links Internos: Este relatório lista uma amostra de páginas no seu site com links de entrada de outras páginas internas. A quantidade de links internos em que são direcionados à uma página relevante de seu website possui extrema significância.

Ações Manuais: O relatório de ações manuais apresentará algumas ocorrências em que um revisor humano determinou que as páginas no seu site não estão seguindo as diretrizes de qualidade para webmasters do Google. É de altamente importante monitorar essa aba de seu Google Search Console para entender se o seu site foi penalizado pelo Google.

Segmentação Internacional: É ideal para quem gerencia um ou mais websites desenvolvidos para usuários de um país específico e falantes de um determinado idioma. É recomendado que medidas sejam tomadas para que os resultados de pesquisa exibam as versões relevantes para cada país e idioma, acertando assim, o público alvo correto.

Facilidade de uso em Dispositivos Móveis: O gráfico desta aba do Google Search Console apresentará problemas de usabilidade em dispositivos móveis detectados no seu site ao longo do tempo, além de indicar quais são as páginas em que estão com problemas.

Leia também: Como colocar seu E-commerce no topo do Google e alavancar vendas

Índice do Google

Na aba ‘Índice do Google’, são apresentadas informações relacionadas à indexação de suas páginas e se seu website possui recursos bloqueados. Você consegue até mesmo remover algumas URL’S dos resultados de pesquisa neste módulo.

Status do Índice: O relatório de Status do Índice fornece dados sobre URLs que o Google tentou indexar na propriedade atual durante o último ano. Na opção avançada, você conseguirá identificar quantas páginas foram bloqueadas por robôs ou então removidas em decorrer do último ano.

Recursos Bloqueados: Os recursos usados pelo seu site que estão bloqueados para o Googlebot são mostrados neste relatório, porém nem todos os recursos são mostrados, somente aqueles que podem estar sob seu controle. Se houver algum tipo de bloqueio dentro do arquivo robots.txt do site, a qualidade do processamento e da indexação da página pelo Google poderá ser afetada. Como resultância, a classificação da página poderá ser prejudicada na pesquisa Google.

Remover URL’s: Este recurso permite com que você remova temporariamente algumas URL’s de seu website nos resultados da pesquisa. Para remover o conteúdo permanentemente, você precisa remover ou atualizar a página de origem.

Rastreamento

Nesta parte, é possível observar como o Google rastreia seu site para indexar, e quais os problemas encontrados. Neste módulo você conseguirá identificar se existem dificuldades para os robôs vasculharem as páginas de seu website durante as visitas.

Erros de Rastreamento: Nessa aba, o Google Search Console apresentará a você erros relacionados ao website como um todo ou então em páginas específicas.

Erros do Site:

  • Conectividade do Servidor:  Apresenta as instâncias em que a solicitação do GoogleBot expirou, ou então em situações que o website bloqueia o Google.
  • Busca de Robots.txt: Aponta instâncias em que o rastreamento foi adiado devido a inacessibilidade ao robots.txt.

Erros de URL: 

  • Erros no Servidor:  Apresenta as instâncias em que a solicitação do GoogleBot expirou, ou então em situações que o website bloqueia o Google.
  • Erro Soft 404: É quando a URL de destino não existe, porém seu servidor não está retomando um erro de 404.
  • Não Encontrado: As páginas em que são apresentadas nesta aba possuem erro 404 (não existe).

Estatísticas de Rastreamento: Nesta área do Google Search Console você conseguirá entender a atividade do GoogleBot em suas páginas. São apresentadas informações relacionadas a quantidade de páginas rastreadas por dia, quilobytes recebidos por dia e o tempo de download de uma página em milissegundos.

Importante: Todos os dados apresentados são referentes aos últimos 90 dias.

Buscar como o Google: Com a ferramenta Fetch as Google, você conseguirá identificar se o Googlebot consegue acessar uma página no seu website, como ele renderiza a página e se existe algum recurso da página (como uma imagem ou um script)  bloqueado para o Googlebot. 

Testar robots.txt: Um robots.txt é um arquivo na raiz do seu site. O arquivo indica as partes do site que você não deseja que sejam acessadas por indexadores de mecanismos de pesquisa. Com a Ferramenta de Teste para Robots.txt, você poderá editar seu arquivo e verificar se serão apresentados erros.

Sitemaps: Será nessa área em que você irá fazer o envio de seu sitemap aos buscadores. Dentro dessa parte do GSC, você conseguirá realizar testes, obter status de indexação nas páginas, verificar quantas páginas foram enviadas aos buscadores e também se houve algum problema durante o envio.

Parâmetros de URL: Essa ferramenta pode ser usada para indicar ao Google a finalidade dos parâmetros que você usa no seu website.

Problemas de segurança

Diariamente, criminosos virtuais atacam milhares de sites. Grande parte dessas invasões passam despercebidas pelo usuário, mas nem por isso deixam de ser prejudiciais a quem visualiza a página, incluindo o proprietário. Na área de ‘Problemas de Segurança’ do Google Search Console você conseguirá verificar se seu website está tendo algum problema relacionado a segurança do mesmo, ou seja, se o seu site está sendo alvo de ataques.

Não deixe de ler: Como estruturar seu site para SEO

Relatório da experiência com anúncios

Agora o Google Chrome poderá bloquear anúncios de forma automática quando é identificado que eles não são cabíveis aos usuários. Com o Relatório de experiência com anúncios do Google (Ad Experiencie Report), você conseguirá entender se o seu website viola ou não os Better Ads Standards (Melhores Padrões de Anúncios).

Outra coisa interessante do Google Search Console é que ele avisa por e-mail se for encontrado algum problema em seu site, como por exemplo no rastreamento de seu site, ou alguma coisa precisa ser atualizada, ou enormes mudanças no tráfego de seu site.

O Google Search Console será um grande aliado para melhorar o posicionamento do seu site nos mecanismos de busca. Além de tudo, o Search Console fornece algumas informações fiéis sobre search queries que você não encontra no Analytics.

Leia também: Google Search Console: tudo que você precisa saber sobre Webmaster Tools

Se você estiver com dúvidas, entre em contato conosco através do e-mail: contato@webpeak.com.br

Até a próxima! :D

Autor

Mônica De Paula

Alpinista de SERP, profissional em posicionamento digital e estratégias online.

Linkedinhttps://www.webpeak.com.brmonicadepaula@webpeak.com.br

Últimas Postagens WebPeak

Últimas Noticias WebPeak