NÃO QUERO IR AO EVENTO

Cupom de Desconto VTEX DAY 2019

Utilize o Cupom de 30% Desconto para o VTEX DAY 2019

Cupom de Desconto VTEX DAYCupom de Desconto VTEX DAY

USE O CUPOM: WEBPEAKVTEXDAY

COMPRE COM O CUPOM DE DESCONTO

Inbound e Outbound Marketing: descubra qual a diferença! 

15/7/2019

Inbound e Outbound Marketing: descubra qual a diferença! 

o que é inbound Marketing, o que é outbound marketing?

Por acaso você já sabe quais são as diferenças entre Inbound e Outbound Marketing? Verdade seja dita que, não tem que ser um acaso, atualmente é essencial ter conhecimento desses dois conceitos para garantir o sucesso do seu negócio. 

Foi pensando em algumas dificuldades que identificamos nos empreendedores e profissionais da área que esse artigo foi elaborado. Não que essas pessoas não conheçam o conceito, mas na maioria das vezes não conseguem tirar o melhor dessas duas ferramentas tão fundamentais para captura de clientes

Por isso apresentaremos esses conceitos e mostraremos formas de uni-los para um melhor resultado final

Inbound Marketing

A função do Inbound Marketing é importantíssima para qualquer negócio, trata-se de atrair e fidelizar clientes. Traduzido para nossa língua, Inbound Marketing significa marketing de atração, em outras palavras, o foco não é ficar correndo atrás de clientes, mas sim despertar o interesse do seu público para que ele venha até a empresa e por si só perceba que precisa da sua marca.

Toda essa estratégia é construída em cima de conteúdos de qualidade para à sua audiência. O que torna a produção de conteúdo o combustível essencial para o Inbound, e por conta disto, é extremamente necessário que esse conteúdo seja qualificado e agregue valor para personas do seu negócio.

Tendo em mente que o objetivo principal é atrair o público e despertar um interesse real nos produtos ou serviços da empresa, logo é preciso saber com exatidão quem é esse público. Sendo assim, a primeira coisa a ser feita é saber quais são seus interesses, dúvidas e desafios, para só depois oferecer materiais que o ajude a enxergar possíveis problemas a serem resolvidos ou então perceberem uma oportunidade ainda não detectada

Este é o processo que conhecemos como Funil de Vendas, onde a meta da sua empresa deve estar em ajudar esse público a ser direcionado até o fundo do funil e converter leads em clientes.

Resumidamente você irá precisar de conteúdos atrativos para aumentar o tráfego do seu site, e nessa primeira fase eles ainda são apenas visitantes, pessoas que você nem sabe quem são, muito menos tem dados de contato. Por essa razão, mais do que elaborar conteúdos relevantes, é necessário possuir em seus canais pontos de conversão, seja em forma de formulários ou Landing Pages que, façam com que esses visitantes queiram oferecer seus dados e acompanhar o site.

Assim que você conquista esses Leads, é possível passar para o próximo passo que é criar um canal de relacionamento através de Email Marketing, por exemplo, pois fica mais fácil nutrir esse Lead com informações relevantes que produzam o efeito de real intenção de compra.

Após publicar o conteúdo certo no lugar e no momento certos, o marketing transforma tudo em valor agregado para os seus clientes, sem incomodá-los. O que acaba resultando em um trabalho de qualidade, bem orientado e objetivo.

Um dos benefícios mais comentados do Inbound Marketing é o seu custo. Nessa versão você irá investir menos e ter um retorno significativo. E, com o tempo, se o seu conteúdo estiver bem estruturado em SEO, as chances de conseguir um bom posicionamento aumentam consideravelmente.

Outbound Marketing

O Outbound Marketing, é o termo que utilizamos para o marketing tradicional, que tem como objetivo principal atrair clientes oferecendo serviços ou produtos. Neste caso, o foco é ir atrás do cliente ativamente sem necessariamente gerar o interesse real desse possível cliente na sua marca.

Esse tipo de marketing que mais conhecemos surgiu com o crescimento das propagandas no rádio, TV, jornais, revistas, mala direta, cartazes, patrocínio de eventos, ou seja, nos formatos mais convencionais de publicidade.

Contudo, não é apenas nesses meios que encontramos o Outbound, já podemos identificá-lo no mercado digital também. Em algum momento você já deve ter sido interrompido por uma propaganda enquanto assistia a um vídeo na internet ou lia um artigo na internet. Banners, emails em massa e pop-ups são algumas ferramentas de publicidade presentes nessa metodologia.

Quando se trata de valores o Outbound difere bastante do Inbound, isso porque as mídias são bem mais caras. No Outbound, caso você precise cortar o investimento de uma hora para outra, seu negócio desaparecerá da mídia.  Isso já é uma coisa que não ocorre no Inbound, uma vez que seus conteúdos continuam na internet e podem ser acessados a qualquer hora.

Inbound e Outbound: como unir ambos

o que é inbound Marketing, o que é outbound marketing?

Pelo que podemos observar, é muito comum que as empresas procurem aderir as duas metodologias dentro do negócio. Sim isso é possível, não é uma obrigação escolher entre uma ou outra, os dois conceitos unidos podem gerar ainda mais resultados. Dessa forma, é importante unir as duas nas estratégias de marketing do seu negócio.

O que precisa levar em consideração em primeiro lugar é o retorno sobre o investimento (ROI) e como irá conseguir comprovar isso. Através dos retornos que você conseguirá identificar em quais canais vale mais a pena investir dinheiro e tempo.

O investimento em Marketing Digital acaba sendo mais simples de ser mensurado através dos cliques, das conversões e das vendas. Quando se trata de mídia offline essa mensuração pode ser um pouco mais complicada. Um exemplo, como mensurar de fato quais daquelas pessoas que foram impactadas pelo outdoor da sua empresa e se tornaram clientes. Conseguiria descrever qual foi essa taxa de conversão? É bem mais difícil comprovar esse número, mas também não significa que esse canal não funcione.

O fator chave que irá juntar as duas metodologias é, principalmente o perfil do seu cliente, é a sua persona, assim como a jornada de compra deste consumidor, o ticket médio da empresa, o funcionamento interno do time de marketing e vendas e, a forma de gestão da sua empresa. 

Para finalizar, cada negócio tem uma necessidade, e existem algumas estratégias que podem funcionar melhor do que outras. Para isso estude e analise os resultados do seu negócio para fazer as peças se juntarem para um resultado de excelência. 

Gostou do artigo? Basta continuar nos acompanhando para ter acesso a mais conteúdos como este.

Até a próxima!

Autor

Mariana Chaves

Produtora de Conteúdo especialista nas palavras que te elevam e levam ao foco do negócio.

Linkedinhttps://www.webpeak.com.brcontato@webpeak.com.br

Últimas Postagens WebPeak

Últimas Noticias WebPeak