SEO

Mapas de calor: entenda como gerar ações inteligentes para seu negócio

21
Jan
2021

Victoria Ribeiro

Sou uma redatora cabulosa, estou aqui para sabotar seu raciocínio.

Quer obter ideias para otimizar a conversão e a experiência do usuário

É para isso que o Mapa de Calor é útil! Viu, só? 

Conseguimos explicar tudo em uma frase (rs).

Brincadeiras à parte, o mapa de calor é ideal para analisar a navegação do usuário no site!

Através dele é possível saber, por exemplo, qual seção da página gera a maior taxa de abandono, além disso, ideias sobre onde adicionar novos CTA’s e, como consequência, aumentar a taxa de conversão.

Afinal, o que é Mapa de Calor?

Se tratando do marketing digital, mapas de calor – ou heatmaps em inglês – são relatórios com indicação de cores, que expõem como os usuários navegam pelas páginas do site. 

Não é de hoje que esse recurso existe. Para se ter uma ideia, os mapas de calor foram criados na década de 90, por Cormac Kinney, seu objetivo era simplesmente transformar dados em informações visuais e, assim, oferecer este serviço para empresas.

A dimensão de tudo isso é muito maior do que o propósito inicial. Com os mapas de calor, é possível coletar informações valiosas a respeito de mapeamento na internet, como as seguintes informações:

  • Onde os visitantes do site clicam;
  • Onde os visitantes do site passam o mouse;
  • Tempo de permanência em cada seção da página;
  • Qual seção do conteúdo gera maior interesse (engajamento) ou fomenta a o abandono da página;

Percebe que são informações que tornam possível a criação de ações inteligentes de negócio? Estamos falando de otimização de conteúdo, adição de CTA’s ou redesign das páginas, por exemplo. 

Importância dos Mapas de Calor

É possível que você realmente não conheça a definição, entretanto, indiretamente já foi impactado por mapas de calor. Por exemplo, eles são muito utilizados para representar a previsão do tempo, em jornais na televisão, certamente já se deparou com eles, certo?

Os mapas de calor estão presentes constantemente em nossas vidas, e são fundamentais para todos os sites em que o visitante precisa tomar alguma ação, ou seja: se tornar um lead ou efetuar uma compra.

O Google, principalmente nos últimos anos, tem dado grande importância para experiência do usuário, e essa é uma das considerações mais importantes para rankear sites. Vale ficar atento. 

Quanto utilizar os Mapas de Calor?

5 situações em que usar os mapas de calor é ‘’bem-vindo’’:

  • Se estiver precisando de ideias para aumentar conversão;
  • Se quiser entender como os usuários navegam em cada página;
  • Se quiser descobrir qual seção da página está impulsionando a saída do usuário;
  • Se quiser saber onde o usuário está clicando;
  • Se quiser saber como o usuário movimenta o mouse e , dessa forma, gerar insights para novas seções com CTAs.

Essas informações indicam que, se você tem um negócio atuante na internet, ou seja, precisa gerar leads, é essencial começar a utilizar os mapas de calor para analisar a navegação do usuário e criar ações inteligentes respaldadas em dados confiáveis.

Principais tipos de Mapas de Calor

Hover Maps

Esses são mapas de calor responsáveis por mostrarem a captura do movimento do mouse do usuário dentro do seu site, de maneira bem precisa. Considerado um importante mapa para gerar insights por fornecer com exatidão onde colocar um call-to-action em seu site ou como o usuário está absorvendo (consumindo) o conteúdo em seu site. 

Click Maps

Nesse tipo de mapa, o objetivo é indicar onde os usuários clicam em seu site. Eles são responsáveis por gerar ótimos insights para melhorar a experiência do usuário no site.

A partir desse mapa de calor é possível descobrir em quais áreas o usuário irá clicar. Aqui, podemos levar em conta que já nos deparamos com diversos casos onde boa parte dos visitantes de blogs clicam em áreas que não possuem links. Diante disso, você pode reformular a seção ou adicionar um link no local.

Scroll Maps

Se no seu caso, a taxa de rejeição das páginas é alta, o scroll maps será muito útil.

A partir dele, é possível descobrir em qual seção da página o usuário opta por abandonar o seu site.

Vamos a um exemplo: você desenvolveu um conteúdo para o blog com 10 parágrafos, porém, com o tempo percebeu que a taxa de rejeição da página está alta. Recebendo o relatório de scroll map, será indicado o percentual de abandono em cada pixel da página.

Somado a isso, o hover map, assim será possível gerar insights acerca da qualidade do conteúdo e otimizá-lo.

Recordings maps

Esse mapa de calor é útil centralmente para o e-commerce, são mapas que funcionam de forma diferenciada. Afinal, o próprio nome sugere, recording map pode ser já interpretado para gravação da tela. Com o uso dele, é possível analisar como é a navegação de cada visitante do site, com especificidades. 

Ferramentas para obter relatórios completos sobre a saúde de seu site

Nos últimos anos, sentimos o aumento da preocupação em torno dos dados. Afinal, eles permitem que decisões mais corretas sejam tomadas. A WebPeak reúne um conjunto de ferramentas de SEO (otimização de site), hoje quero dar atenção a 3 (três) delas, ainda mais depois desse assunto sobre os mapas de calor

1) Ferramenta de Análise de SEO

  • Um relatório geral de auditoria de SEO com avisos e conselhos úteis;
  • Um relatório de otimização específica de palavras-chave que abrange todas as áreas de página proeminentes de SEO;
  • Um relatório de otimização de celular que o ajudará a detectar problemas que possam influenciar o ranking do seu site na busca por dispositivos móveis.

Esta ferramenta torna possível compreender como proteger seu site das proibições do Google e otimizar suas páginas para as palavras-chave mais buscadas.

2) Ferramenta de Geração do Sitemap

Uma ferramenta de criação de sitemap XML e monitoramento da indexação das páginas do sitemap.

3) Ferramenta de Auditoria Técnica

Um relatório sobre a saúde do site para uma melhor usabilidade e indexação do site.

A ferramenta de Auditoria Técnica proporciona sua compreensão de como tornar os motores de busca e os visitantes satisfeitos com um site sem erros.

Há serviços que realizam apenas isso no mercado: uma auditoria técnica, página por página dentro do seu site. Mas na WebPeak você tem isso como apenas uma das várias ferramentas de SEO que vão te ajudar em sua análise.

SEO Ninja com WebPeak faz com que você analise vários fatores On Page técnicos e te entrega um relatório com:

Qualidade dos seus Titles: verifica se seus Titles estão utilizando as melhores práticas como tamanho, palavra-chave no começo e ausência de Titles em páginas importantes.

Qualidade das suas Descriptions: analisa se suas Descriptions estão bem escritas, se existem e se não estão repetidas com Descriptions de outras páginas. O ideal é que cada página contenha uma Description única e personalizada para o conteúdo da página.

Erros 404: passa um escaneamento para verificar se não há erros 404 em links internos do seu site. Por exemplo, você tinha uma página chamada “promoção de Natal 2018” que retirou do ar. Não há problema em ter páginas 404, mas o ideal é fazer algo com elas. Nesse caso, deixar a URL ativa e redireciona-lá no final do ano para “Promoção de Natal 2019”;

Erros 500: se há erros de servidor, a ferramenta te avisará. O ideal é fazer com que páginas que derrubem o servidor sejam otimizadas para serem mais leves e funcionais.

Redirecionamentos 301/302: é comum haver redirecionamentos. Todos os sites tem. Mas o ideal é que os redirecionamentos não apontem para outros redirecionamentos. Se A vai para B e B vai para C, então é melhor que A vá direto para C.

Imagens quebradas: se houver alguma imagem quebrada no seu site, será listada nessa parte do relatório. Mas hoje em dia esses erros são menos comuns, já que o upload de imagem geralmente é feito por um CMS (Content Managment System);

Links internos quebrados: um dos motivos de sites terem erros 404 é por falta de linkagem interna apropriada. Uma página 'linka' para a outra que não existe mais ou foi mudada de lugar sem redirecionamento. Os links internos quebrados acabam com sua reputação e com a experiência do usuário.

Gostou do que descobriu sobre a WebPeak? Quer comprovar? Confira nossas ferramentas de SEO que nunca deixaram a desejar! Entre em contato conosco!


Últimas Postagens WebPeak

SEO

Quer melhorar sua Taxa de Clique Orgânico? A gente te mostra como!

Google

Google testará o Protocolo IndexNow

Google

Guia SEO: aprenda a encontrar todas as páginas de um site

Google

Como desenvolver uma campanha com resultados no Google Ads