Bancos digitais: conheça as principais vantagens

29/10/2019
https://canaltech.com.br/mercado/bancos-digitais-vantagens-153749/

Bancos digitais: conheça as principais vantagens

O advento da internet trouxe inúmeras possibilidades aos usuários de smartphones. Uma delas foi o surgimento das fintechs, que são empresas digitais que contam com a tecnologia como base de seus serviços financeiros.

Os bancos digitais já são uma revolução no setor bancário brasileiro, que sempre foi burocrático e com poucas alternativas. Hoje, com este cenário em constante mudança, o usuário conta com inúmeras opções de bancos modernos que podem ser administrados pelo celular com poucos cliques.

Mas, você sabe o que é um banco digital, como o Nubank, o C6 Bank ou o Neon? Você conhece os principais benefícios que esse tipo de banco pode oferecer? Contamos os prós que só um banco digital pode te oferecer logo a seguir.

O que é uma fintech?

Fintech é a abreviação em inglês de duas palavras: finance (finanças) e technology (tecnologia). São empresas de pequeno e médio porte que trabalham para otimizar serviços do sistema financeiro, incluindo bancos, plataformas de processamento de pagamentos e outros produtos físicos e online.

O banco digital nem sempre é o principal produto de uma fintech, mas certamente é o mais popular entre os consumidores. Pouca burocracia e taxas acessíveis são os principais benefícios dessa modalidade de banco que oferece atendimento online e operação enxuta, sem agências ou terminais autoatendimento próprio.

Se você quiser saber com detalhes como os bancos digitais lucram e quais as principais responsabilidades que uma fintech tem, recomendamos a leitura do artigo abaixo:

Pouca burocracia

Um dos principais benefícios dos bancos digitais é a burocracia, ou melhor, a falta dela. Basta um smartphone em mãos para que qualquer usuário consiga abrir uma conta-corrente, poupança, fazer investimentos ou solicitar um cartão de crédito. Tudo é feito da forma mais simples possível através do escaneamento de documentos ou de assinaturas digitais.

Geralmente, os bancos digitais contam com uma plataforma própria de investimentos privados ou do tesouro nacional, que pode ser gerenciada pelo próprio usuário em poucos minutos sem que o mesmo precise buscar por uma corretora para intermediar seu contrato. O processo de encerramento de conta é tão simples quanto sua abertura, visto que o usuário pode fazer esse procedimento pelo aplicativo do banco sem a necessidade de ir até uma agência ou de enviar documentos.

Poucas tarifas

Hoje em dia é difícil prever quantas vezes iremos precisar fazer transferências de dinheiro para contas de outros bancos, por DOC, ou até mesmo do seu próprio banco, por TED ou instantaneamente. Os bancos digitais contam pontos a favor por oferecerem transações ilimitadas e sem taxas adicionais, que é um padrão em bancos tradicionais que costumam cobrar por DOC ou TED avulsos ao pacote contratado.

O ponto forte, no entanto, é a ausência da chamada "taxa de manutenção de conta", também conhecida como pacote/cesta de serviços, que é uma mensalidade que os bancos cobram ao oferecer serviços como talão de cheque, cheque especial, transferências, emissão de cartões adicionais e outros. Nos bancos digitais essa cobrança não existe, até porque esse tipo de banco não oferece planos ou pacotes extras além do padrão.

Investimentos na palma da mão

Como comentamos no início deste artigo, os bancos digitais também oferecem planos de previdência privada, seguros, empréstimos, crédito e investimentos de todos os segmentos, como, por exemplo, em Tesouro Direto, CDB (Certificado de Depósito Bancário), LCI, LCA (Letras de crédito isentas do Imposto de Renda) e LC (Letras de Câmbio).

A contratação desses serviços é feita no aplicativo e sem a necessidade do usuário buscar por uma corretora, visto que o próprio banco faz a intermediação para elaboração de contratos de investimentos. Todas as movimentações e rendimentos podem ser acompanhadas através do app do banco digital, sendo possível fazer aporte ou resgate de aplicações a qualquer momento, a depender da modalidade contratada.

Praticidade

Assim como os bancos tradicionais - ou bancos offline, como preferir - existem sistemas de validação e autenticação para movimentações financeiras, que criam protocolos de segurança para adicionar uma camada extra de proteção aos dados que o usuário insere no ambiente online do banco. Com os e-bancos não é diferente, mas esse processo é mais simples.

Você não precisa instalar softwares ou plugins em seu computador para acessar recursos do banco, como as transferências, visto que os bancos digitais validam transações ou contratações através de protocolos enviados por SMS ao celular do titular da conta. Isso facilita, por exemplo, a validação de uma recarga de celular ou até a aquisição de um empréstimo pessoal.

Os saques também são mais simplificados, visto que é possível usar qualquer caixa da Rede Banco 24 Horas para retirar dinheiro da sua conta, visto que bancos digitais dificilmente contam com agências físicas ou caixa eletrônico próprio.

Entre outras praticidades que os bancos digitais oferecem está o atendimento online por chat além do expediente convencional bancário, consulta ilimitada de extratos e demonstrativos da conta-corrente e gerenciamento detalhado do cartão de crédito.

É claro que existem outros prós - e também contras - dos bancos digitais, que entre os mais famosos encontra-se o Banco Inter, o Neon, o C6 Bank e até mesmo o Nubank.

E você, já experimentou abrir conta em um banco 100% digital?

Autor

Bot WebPeak

Robôs não são seres de outro mundo, robôs não querem tomar o trabalho de nenhum humano, robôs são amigos da sociedade. Robôs tem sentimentos

contato@webpeak.com.br

Últimas Postagens WebPeak